Buscar

Goldman Sachs busca diversidade e novo capitulo da polêmica envolvendo CEO da Amazon

Você piscou e janeiro já acabou!   A news dessa semana está recheada e para todos os gostos... temos notícias envolvendo o CEO da Amazon, falamos também sobre as mudanças que estão por vir no Nubank e decisão a favor do iFood. Chegou sua análise prática dos últimos acontecimentos!

Vai ter diversidade sim! 

Overview: A Goldman Sachs Group., uma das principais empresas globais de bancos de investimentos, irá coordenar apenas IPOs de empresas que tiverem pelo menos uma minoria no conselho a partir de julho deste ano. O foco da decisão está nas mulheres e neste primeiro momento valerá para Estados Unidos e Europa. Segundo o CEO da GS, David Solomon, a diversidade é um ponto importante em cargos altos.

Why it matters: A decisão é significativa já que a Goldman é umas maiores underwriters de IPOs no mundo. Além disso, vem em um momento em que grandes corporações tem usado seu poder e influência para tentar mudar esse cenário mundial.

Go deeper: CNN | Brazil Journal


Eles não param…

O Nubank criou uma gestora de investimento, que embora esteja apta para gerenciar e distribuir fundos próprios, neste primeiro momento irá administrar apenas o caixa da fintech. A Nu Investimentos recebeu autorização da CVM em julho de 2018, entretanto a filiação com a Ambima ocorreu na última quinta-feira,  23.

Mas mudanças estão por vir, segundo fontes do Brazil Journal, o Nubank fará alterações no time executivo, começando pelos fundadores David Vélez e Cristina Junqueira. Ambos estão considerando fazer parte do conselho para serem substituídos por profissionais consagrados de mercado. A estratégia seria para trazer uma gestão parecida com uma companhia aberta, mas especuladores já ventilam a ideia de que a fintech estaria se preparando para um possível IPO, o que você acha? Go deeper: Valor Investe | SunoResearch | Brazil Journal


Quem vazou as informações?  

Depois do vazamento de fotos íntimas e conversas confidenciais do CEO da Amazon, Jeff Bezos, o jornal The Guardian divulgou detalhes de como supostamente isso teria acontecido. Segundo eles, o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed Bin Salman, enviou um vídeo para o whatsapp do Bezos que ao abrir liberou um vírus. A ligação do envolvimento do país era suspeita, já que quem fez a divulgação exclusiva das imagens foi um jornal local. Além disso, não podemos esquecer de todos os acontecimentos envolvendo o país árabe e o The Washington Post, veículo do qual Bezos também é dono.

Entretanto, em meio a essa polêmica o The Wall Street Journal trouxe outra versão do que poderia ter acontecido. Neste caso, há provas de que a namorada de Bezos, Lauren Sanchez, entregou textos e imagens ao irmão, Michael Sanchez. Os indícios para essa tese seriam mensagens de texto trocadas entre o irmão e o jornal que vazou as fotos, além de um pagamento de US$200.000 para Sanches. Mas vale dizer que embora tenha a segunda versão, a primeira envolvendo o príncipe saudita não é descartável.

Go deeper: TecMundo | The Guardian | Super Interessante | NYTimes | WSJ



Dando o que falar

Na última sexta a justiça autorizou a Uber a operar com patinetes elétricos em São Paulo. Embora a liberação tenha ocorrido, a empresa não informou quando eles estarão disponíveis, apenas que o lançamento está em estágio avançado. A notícia vem logo após a Grow anunciar sua redução de operação no Brasil.  Enquanto isso, a Bird, uma das pioneiras do setor e avaliada em US$2,5 bi, anunciou a aquisição da rival europeia Circ.

Go deeper: SunoResearch | MobileTime | Estadão



Nova casa para startups

O banco BNP Paribas junto ao Carrefour, Edenred e Ingenico anunciaram seu mais novo empreendimento: um centro de inovação para startups em São Paulo. O La Fabrique, será um espaço com mil metros quadrados e o foco estará em ideias que desenvolvam soluções para a aceleração da transformação digital. Cada uma das empresas francesas terá seu espaço e poderá escolher quais startups farão parte do conglomerado.

Go deeper: Computer World Época Negócios



Decisão polêmica

Overview:  A Justiça do Trabalho decidiu que não há vínculo empregatício entre o iFood e seus entregadores. A juíza do caso, Shirley Escobar, comparou a situação dos autônomos de aplicativos com a dos profissionais que trabalham em salões de beleza: ambos liberais que ficam disponíveis para o atendimento e ganham pelo serviço prestado.

Why it matters: A decisão é contrária ao caso da Loggy, onde ficou entendido que há vínculo empregatício entre os entregadores e a empresa. A nova sentença traz um respiro para o ecossistema de aplicativos que conectam usuários a prestadores de serviços.

Go deeper: Brazil Journal | Olhar Digital | Exame



Investindo em facilitar a vida

A brMalls e a Multiplan, ambas administradoras de shoppings, fizeram um aporte de R$69 milhões na empresa Delivery Center, responsável por entregas alocadas dentro de shoppings e centros comerciais. Com o dinheiro, a empresa iniciará um plano de expansão, integrando lojas físicas, market place e shopping por um app. 

Go deeper: Exame | InfoMoney | SunoResearch


Obrigada por estar conosco, semana que vem tem mais! Até a próxima, Ju

Logo Fisher New.png
Logo fisher branco(Anexo 2).png
  • Linkedin Fisher Venture Builder
  • Branca Ícone Instagram
  • Facebook Fisher Venture Builder
  • Twitter Fisher Venture Builder

Rua dos Pinheiros, 498, 3º andar - São Paulo, SP  |  Brasil